Receba notícias

    • Cadastre seu E-Mail:

      Ver últimos Feeds

 

Frase do dia

Temer o amor é temer a vida e os que temem a vida já estão meio mortos.

(Bertrand Russell)


Publicidades

 

Contato Rápido





 

 

Estatísticas

Postado dia 15/04/2019 às 13:27:04

  • Golpe de R$ 35 mil reais.

    Apropriação indébita: Acusado de Golpe nos colegas. Estudante da Universidade Estadual do Norte Pioneiro, é acusado do sumiço de R$ 35 mil reais da Formatura. Festa não aconteceu, estudantes estão revoltados.



Redação Blog do Gildo Alves

 

Acusado de Golpe nos colegas. Estudante da Universidade Estadual do Norte Pioneiro, Ele é acusado do sumiço de R$ 35 mil reais da Formatura. Festa não aconteceu, estudantes estão revoltados.

Acusado de Golpe nos colegas. Estudante da Universidade Estadual do Norte Pioneiro, Apontado como responsável do sumiço de R$ 35 mil reais da Formatura. Festa não aconteceu, estudantes estão revoltados.

 

João Paulo Pirolla (fotos), de 33 anos, concluiu o curso de Geografia da UENP (Universidade Estadual do Norte do Paraná) no campus de Cornélio Procópio. A colação de grau foi em fevereiro e a festa da formatura num clube social de Bandeirantes estava marcada para a noite do último sábado, dia 13. Só que na quinta, dia 11, ele confessou aos colegas de classe ter gastado o dinheiro em outras “atividades”. Os 35 mil reais desapareceram.

 Indignados, a turma pretende ingressar com ação judicial contra ele, que teria prometido o pagamento para depois de amanhã, quarta-feira, dia 17.
Aluno(a)s procuraram o npdiario, inconformados, “estavam certos o local, muitos compraram ou alugaram as roupas, convites feitos para amigos e familiares e chega na hora descobrimos que todos os quatro anos em que fizemos rifas, pagamos mensalidades e fizemos promoções, foram jogados fora pela irresponsabilidade de uma só pessoa”, afirma uma das mais irritadas.

Outro se diz revoltado porque o acusado teria vida financeira confortável, “ele disse que investiu na saúde de um irmão, depois em viagens para Curitiba, Manaus e Salvador, mas há até quem garanta que torrou com piscina na casa dele”, assinala.

Os estudantes vítimas são de Pinhalão, Barra do Jacaré, Cornélio Procópio, Santa Cecília do Pavão, Leópolis, entre outras cidades.
A reportagem telefonou para João Paulo, mas ele não atendeu as ligações.

 

Fonte: NP diário.

 



Compartilhe esta matéria!